Além das palavras...


além das palavras...sou filha do sol e da lua, fui forjada sob o fogo, por isso só sei ser assim... regresso ao castelo nas nuvens...
levo comigo as tuas doces palavras, e nos meus lábios a tua alma... fico aqui... fico aquém dos meus sonhos muito além das palavras que escrevi... deixo que a alma cuide do meu sonho... e não... desta vez eu não sonhei...

......~~~~......~~~~......~~~~......
~~~~......~~~~......~~~~......~~~~
Não
Não são minhas estas palavras...
São de uma alma que partiu
Vai para onze luas...
Levando consigo os sonhos
Para um castelo só seu

Algures além das nuvens...
Ainda hoje é lembrada
E visitada

Por quem não sabe da sua partida...
Sim
Partiu sem aviso
Muito antes do tempo!

Mas deixou marcas na alma
De quem com ela se cruzou
Neste mar de sentimentos
Com palavras sopradas ao vento
Mas que por ali permanecem
E flutuam...
Como cinzas

Numa campa aberta

Que nem o tempo
Se atreveu ainda a fechar!...

Estão aqui...

20 impulsos:

serenidade disse...

Impulsos,

ao ler as primeiras palavras verifiquei que as conhecia e sem ir ver onde estão sei de quem são... uma alma sonhadora que partiu para o mundo de mais sonhos onde um dia regressará para viver o que deixou, ou não, por viver. Tantas questões se colocam sobre sua partida, tantas dúvidas....
Fez ontem, dia 6, 11 anos de uma partida de quem me é muito caro, tb:(

As tuas palavras, a tua recordação

Serenos sorrisos

Diva disse...

Palavras certas... para as recordacoes certas.
Nada mais direi...
Bjs meus

Luz&Amor disse...

Lindo texto, palavras sentidas.
Deixo-te beijos e bons desejos sempre.
Bjs

Luz&Amor disse...

Lindo texto, palavras sentidas.
Deixo-te beijos e bons desejos sempre.
Bjs

Secreta disse...

N�o sei que dizer ... eu fa�o parte do "grupo" que n�o sabia ...
estranhei de facto ter deixado de actualizar o blog , mas ... muitas vezes acontece por op�o ... confesso que nunca pensei o pior...
Beijito.

MIMO-TE disse...

Um poema lindo cheio de for�a e sinceridade. Beijos e mimos meus.

Plum disse...

Deixo-te um sorriso e um abraço!!!***

Vity disse...

Ai impulsos....

Que homenagem linda...

São pessoas com gestos como o teu que imortalizam aqueles partem... mas que nos deixam linda recordações, e, neste caso, lindas palavras também...

Passei por lá ... li ... arrepiei-me...

Beijos
Vity

Morada Terra disse...

O Grito

Ninguém o ouvio.
Mas aconteceu um grito.

Agora a água corre.
O céu caiu,
aflito.
Sacudido pelo grito que não morre.

A terra calou-se,
possuída pelo mar.
Na história da minha vida arquivou-se,
Mais um grito,
mais um desejo infinito,
da terra,
à outra terra se entregar.

in A casa da Infãncia de Fernando Alves

Filipe

Dias disse...

Pujante o verbar da Dreams, adorei e (espero) disse-lho.

E para alem desta apresentação, ofereces-nos um som bem cool.

Beijo

Anónimo disse...

Olá linda
Lindo texto como sempre já algum tempo que não te vinha vesitar.
Parabéns......tb adoro esta musica é linda, jokinha desta tua amiga
Silvia

...HOJE.SOU.A.PAULA disse...

Mal entrei, identifiquei.

Para Ela, as *******. Para Ti, um enorme beijo.

Paulo Afonso disse...

Precioso passaporte para o paraíso!
Tão bem que tu esceves :)

Beijo poético de parabéns

In Loko disse...

Palavras sentidas e belas para homenagear alguém que mesmo partindo deixou suas marcas... marcas que recordas agora de maneira tão enternecedora!!!

Muito sentida e muita bela esta tua homenagem querida amiga Cleo!

Beijinhos grandes...

Vício disse...

uma bela homenagem a um dom que a vida não permitiu que crescesse entre nós.
um irão, outros virão! restam estas pequenas marcas de quem as consegue gravar com sentimento!

PS - gostei de ver as alterações no blog! ;)

mixtu disse...

são palavras
e o vento

as folhas

o vento

leva as folhas e as palavras...

poesia... impulsiva :)

abrazo europeo para ti e a Augusta

Sant'Ana disse...

Além das palavras o sentido das palavras. Além do sentido das palavras, o silêncio do sentir.

Um Momento disse...

...
Se bem percebi...
Visitei, não comentei...

Linda esta homenagem...
Deixo-te um beijo sentido ...
(*)

vida de vidro disse...

Gosto da homenagem que fazes. Visitei o blog mas, como não conhecia, não deixei comm. A vida é bem triste por vezes. **

suruka disse...

Talvez uma alma gémea da tua.
Ou identica sim por certo.

Tu escreverias aquilo exactamente.
Linda homenagem lhe fazes.

bjs