Há um rosto vazio
Escondido
Por detrás dessa máscara
Que usas
Com vaidade...
E por momentos
Breves instantes que sejam
Iludes quem passa
Iludes-te...

Inventaste um mundo
Fantástico
Misterioso... hipócrita!
Onde tu não és tu
Mas o outro...
Aquele que está preso
Dentro de ti
E que só vês
Do outro lado do espelho...

Escondes o teu sorriso
Cínico...
O brilho dos teus olhos
Chispados de raiva
E mantens a farsa
Rilhando os dentes
... até doer!
Mostrando-te um génio
Intocável
Sensível
Com sentimentos profundos
Ainda que roubados
A corações incautos...
E atinges um orgasmo
Solitário...
Num acto de prazer
... mórbido!

Apesar dos pesares
Admiro-te!
Admito...

25 impulsos:

Rafeiro Perfumado disse...

Música para este texto: The Great Pretender, do Freddy Mercury

Beijoca!

Pelos caminhos da vida. disse...

Adoro Freddy Mercury.

beijooo.

Pelos caminhos da vida. disse...

Adoro Freddy Mercury.

beijooo.

Oliver Pickwick disse...

Muito além da minha compreensão e da minha conceituação sobre o amor. Todavia, quem há de compreender por inteiro os seus desígnios?
Um beijo!

ImpossiblePrince disse...

Bonito. :)

O Profeta disse...

Um raio de sol na minha manhã este poema...


Doce beijo

Carla disse...

admito que passar por aqui...é fabuloso
adoro ler-te
beijos

ZeManel disse...

Olá Cleo
Visito alguns espaços, cerca de meia dúzia…
Há no entanto um do qual eu não prescindo,
Esse lugar que um constante impulso meu me ordena a visitar, é o teu!
Aqui me deleito, por alguns instantes, com o notável resultado da tua inspiração.
Até breve.
Beijinhos

Secreta disse...

As máscaras que tantos usam e abusam ...
Máscaras que mais cedo ou mais tarde acabam por cair.
Beijito.

Hermínia Nadais disse...

Muito belo, prende toda a atenção, ao acabar de ler... ficamos à espera de mais. Beijo, Hermínia

mundo azul disse...

É muito bonito o poema!!!
Confesso que as letras não estão tão fáceis de ler...

Gostei de estar aqui!

Beijos de luz e o meu carinho...

Gata Verde disse...

Lindo!
Boa escolha musical...

beijos

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Impulsos.

Lindo! Admito... :-)

Ahhh!!!! Voltou a postar seus vídeos. Fabuloso! Prefiro assim. Esse vídeo do 30 Seconds To Mars é legal.

Boa semana para você.

Beijos mil! :-)

Carlos D disse...

Ola Cleo

São rostos escondidos
atrás do nada,
reflectindo corações
repletos de egos recalcados,
e mentes roubadas ao tempo
que não conseguem evoluir.

bjs e um sorriso

veritas disse...

E num impulso por aqui passei e me rendi.

Bjs.

as velas ardem ate ao fim disse...

As vezes não ha rosto....

um bjo

Shadow disse...

Texto sublime!
Escolha musical...perfeita!

:)
Bjs,
Shadow

SAM disse...

Sempre maravilhas encontro aqui, querida Cléo!


Texto forte, realista...Sentimos a intensidade de cada verso. Musica maravilhosa. Sempre tudo perfeito.


Enorme abraço querida!

Gleidston dias disse...

parabéns,excelente texto,minha admiração sempre pela tua escrita.big abraço!!!

melgadoporto disse...

Ventos fortes rodopiam dentro e fora deste texto.
Ventos que um dia já senti e me arrepiaram.
Profundamente!
Porque deixam “vós” que estes ventos vos dominem.
Porque “se” deixam toldar pelo seu rodopiar.
Apesar do pesares… admiti…
Os ventos que me arrepiaram.
Não sei porquê!
:-)

AM disse...

Cleo,
Eloquentemente belo.
Beijo
António M.R.Martins

GE3 disse...

um poema que mostra tanto, o quanto o ser humano pode ser...
grande! pequeno!
fica-nos o poema genial
abraço
António

Sandra Daniela disse...

Olá, Cleo!

As máscaras que tantas vezes fazemos uso...E a ilusão... aii a ilusão,por vezes sabemos que a temos por companheira e mesmo assim recusamos a larga-la...

Lindo como sempre!!!

Um beijinho grande para ti!

Fabrício Brandão disse...

Belos impulsos poéticos desfilam matizes por aqui. Apreciei muito o lugar!

Saudações poéticas!

Desnuda disse...

Relendo...e ouvindo esta maravilha....


Beijo, querida!