Essas palavras que não saem...



As palavras... nem sempre se sabe bem de onde vêm.
Muitas delas... vêm do fundo da alma.
Outras... do cheiro da terra molhada.
Há ainda algumas... que vêm do brilho de um olhar.
Outras... do sorriso bonito de um rosto familiar.
E outras... de um raio de sol a brilhar.
Depois há as outras...
... as que vêm do escuro da noite sem luar.
As que saem de um baú de recordações bem velhinho e empoeirado
... e nos fazem chorar de saudade.
E aquelas que ouvimos sem querer... das bocas que nos querem amaldiçoar.
Palavras malditas!
Como aquelas outras que nos vieram contar...
E tantas são as palavras ainda por soltar.
Muitas delas morrem ali mesmo...
... talvez as mais bonitas...
As que realmente deveriam ser ditas... mas que teimam em ficar.
E morrem antes de se ouvirem
Sufocadas pelo nó da garganta...!

44 impulsos:

Som do Silêncio disse...

Olá!

Conheço bem algumas dessas palavras...

Beijo Silencioso

Kianda disse...

Palavras.. palavras.. palavras: ora respiro palavras, ora calo palavras, pra sinto palavra... Mas sem palavras, sejam elas estrelas ou punhais... jamais saberia viver.. Vivo palavras!

VICIO disse...

gostava de saber quem foi que me deu um nó...

Carlos D disse...

As palavras que teimam em ficar
são mais facil de dizer
num pequeno poema num olhar
num momento de prazer

bjs e um sorriso

o alquimista disse...

A lonjura é a distância da viagem, a idade não cobre os rochedos, passam ventos de encantamento descobrindo mil e um segredos, tantas histórias, tanto caminhar, quanto tempo leva a viagem das pedras e se o sol não voltasse no amanhã achas que a lua sorria para elas?...


Boa semana


Doce beijo

Textos e Textos disse...

Saõ elas que têm a força para nos fazer transmitir o nosso estado de espirito.

beijo

Plum disse...

Não podemos deixar as palavras morrer!Enchemos o peito de ar e coragem e GRITAMOS bem alto as palavras que nos saem da alma!***

Moura ao Luar disse...

Há dias em que pareço ter problemas com as palavras, não saem , não se manifestam... não vêm da terra molhada :-)

Twlwyth disse...

Se as dissessemos num impulso, não ficariam por ouvir.
Palavras inteligentes, estas tuas.

ORIANA disse...

A palavra sozinha é oca e vã... Mas se ressoa, a sua beleza é flor que encontra num no outro SER terra fértil para se expandir

Um beijo na Alma

Menina do Rio disse...

Palavras que ouvimos e dizemos sem querer. Há quem diga que palavras o vento leva, mas que elas deixam marcas e muitas isso é certo!

beijos

D. Maria e o Coelhinho disse...

ACHAS QUE,
DESTE MODO,
VOU CONSEGUIR
FAZER AS PAZES
COM O COELHINHO ?

OU DEVIA ATIRAR-LHE TOMATES ????????


D. MARIA

Maria Clarinda disse...

Lindo o impulso musical e...as palavras!
Jinhos mil.

Ana S. disse...

As palavras só são poderosas se forem ditas pela pessoa certa. O problema é que ás vezes são as palavras erradas!
beijinhos

Jorge Bicho disse...

e as tuas palavras são as palavras certas de um ser lindo e desafiante que encanta em cada texto em cada linha.
obrigado por me visitares e deixares que eu te leia também
beijo
JB

A. Jorge disse...

Belas palavras que teimaram em ser escritas.
Ainda bem!

Abraço

Jorge

http://vagabundices.wordpress.com/

A.S. disse...

Por vezes as palavras são desnecessárias... os olhos dizem muito mais!...


Um terno beijo!

Vertice da Alma disse...

E morrem antes de se ouvirem
Sufocadas pelo nó da garganta...!
Esta duas últimas estrofes carregadas de angústia refletem todo o sentir de uma Alma .
Beijo Amiga

madrugada disse...

Brilhante!...

Secreta disse...

Há palavras que nos sufocam , outras que nos dão ar. Há palavras que nos elevam , outras que nos derrubam.
As palavras , tão importantes e tão complexas.
Beijito.

suruka disse...

Palavras e mais palavras
prefiro as que saiem da terra
a que chamo " CORAÇÃO " .

bj

Dias... disse...

E as tuas palavras? As da tua Arte ecludidas ?

Impulsos, tu estás uma Poetiza!

Beijo agradecido pelo privilegio de te ler

*

Brain disse...

Impulsos,

Só quem não escreve,
Só quem não sente impulsos de escrita,

É que não poderá entender,
O que tu aqui,
Tão bem,
Soubeste dizer!

Beijo.

A MUDANCA disse...

E são apenas palavras....


Beijo

FF

sonhadora disse...

"Não te digo tanto quanto quero, nem te faço tanto quanto sonho"

Maria Teresa Horta


Beijinhos embrulhados em abraços

João Cordeiro disse...

Belissímas palavras... que me sufocaram a garganta.
Parabéns....


Beijo sonhador

Carla Martins disse...

Gostei muito

anne disse...

Escrever é um ato solitário, silencioso. Carrega o peso do dizer quando algumas vezes não se deseja dizer nada. Mas o papel em branco, tímido e tirânico, pede que o preencha, com palavras, frases, parágrafos e num impulso teu, todas as palavras saem muito bem. Gosto muito de estar com as tuas palavras por um momento que seja. Bjinhos.

FC disse...

Muito muito muito belo...

Parabéns...

Ganhaste visita diária ;)

serenidade disse...

Ninguém sabe se as palavras doces que ouvimos vêm do coração, se as que soam a fel são ditas com convicção... o olhar a entoação em tudo o dirá e o tempo perduará..

Tens o dom das palavras que saltitam em teu coração e fazem vibrar as minhas células de alegria ou pesar na imensidão...

Sereno sorrisos

Phiwuipa disse...

Sem nó na garganta, sem as palavras ficarem sufocadas, mais uma vez digo que adoro o que escreves. Dá "gozo" a leitura.

*Beijinhos*

Márcia disse...

Lindas palavras escritas sobre mais um lindo e terno silêncio...

Beijinhos

Thunder disse...

As palavras são muito poderosas.Às vezes é melhor mesmo ficarem sufocadas.No entanto, estas fizeram bem em serem "gritadas".
Bjs.

zetrolha disse...

Volta!Eu perdoo-te...

In Loko disse...

As palavras são como a água,umas límpidas e boas, outras turvas e amargas, consoante as fontes que as debitam menina Impulsos! Temos de provar as mais gostosas, as outras deixêmo-las cair no chão e secar! Beijinhos...

Secreta disse...

Olá :)
Passo para desejar-te bom fim de semana.
Beijito.

Monólogos.by.Paula disse...

Cleo,

Já me acompanhas há muito para saber o significado que as palavras têm para mim...sobre isso penso que nada mais consigo exprimir a não ser a forma profunda como as tuas me tocaram.

Bjinho

JPAnunciação disse...

Há sempre uma palavra num impulso de Vida.

Um beijo

Dark-me disse...

E não é a própria vida um sufoco??!!!...

Dark kiss

o alquimista disse...

O beijo da bruma com a água, é dança de dispersos sonhos, perdidos no silêncio desta baía, por longos e agrestes caminhos. Sentei-me! No peito ausência, a luz não tem hora, a paixão solta de amarras, que teima em não ir embora. Gira a vida em sua roda, invisível, celebro os dons da terra com a aurora, no espelho desta lagoa em arrepio, vejo um conhecido rosto que chora.


Bom fim de semana


Doce beijo

Nilson Barcelli disse...

Gosto das tuas palavras, venham elas de onde vierem...
Um bom poema.
Bom fim-de-semana, beijinhos.

cacharel disse...

Palavras... palavras... palavras..
Um poder enorme depois do olhar e que podem ter as mais variadas consequências... por isso o cuidado ao dizê-las e ao escrev~e-las...

Beijo e bom fim de semana*

Um Momento... disse...

Lindas...Palavras ...
Lindas Palavras li...
Palavras...
Senti...

(*)

sony disse...

Aquelas que devem ser escritas por ti e lidas por mim :-)
Lindas como sempre!
Um bj
Sony:-)